“Catando Vidas”

“Catando Vidas”

Esse é o nome de nosso projeto que já realizamos a quase um ano na ACAMAR.

O Objetivo é trazer os catadores não cooperados (autônomos) para comercialização justa dentro da ACAMAR.

Atualmente já são 18 catadores cadastrados, que no mês de agosto trouxeram 32 toneladas de recicláveis para a ACAMAR.

A cooperativa além de pagar acima do valor de mercado (ferro velho) ainda fornece a cada tonelada entregue R$ 50,00 de bônus e atingindo 3 toneladas o catador ganha uma cesta básica custeada pelos cooperados da ACAMAR.

Essa ação tem como meta 30 catadores não cooperados na ACAMAR e a manutenção de mais 40 cooperados!

Facebook
Twitter
WhatsApp

VEJA TAMBÉM

Futura parceria com o CAPS

Hoje recebemos a terapeuta ocupacional do CAPS, @maaysa_ Acompanhada do assessor da Prefeitura de Capão Bonito, Paulo Bugni. Que vieram conhecer o espaço e as atividades realizadas

Serralheria e Marcenaria ACAMAR

A ACAMAR possui uma Serralheria e Marcenaria, onde todo RCC (resíduos sólidos da construção civil) recebem a destinação correta. Nosso cooperado senhor Henrique, recebe esse

Visita da Cooperasa de Sarapuí

Hoje recebemos a visita do presidente e pessoal da @cooperasa2022 – Cooperativa de Recicláveis de Sarapuí. Que aproveitaram conhecer mais da ACAMAR para somarmos experiência.

ACAMAR fazendo agrofloresta!

Na tarde de hoje nosso cooperado Paulo finalizou o plantio de 40 pés de bananeiras. Sistema implantado para plantio de alimentos de forma sustentável. Aqui