Secretaria de Desenvolvimento Social

Secretaria de Desenvolvimento Social

Dia 05 de maio , 17 jovens da casa do adolescente de Capão Bonito, o professor Bosco e a bióloga do IDEAS Jane Fernandes, visitaram a Acamar, a visita faz parte do Projeto “Caminhando com as aguas do Paranapanema- Nas Trilhas das Nascentes, uma ação realizada pelo IDEAS e custeado pelo Fundo Estadual de Recursos Hídricos, projeto enviado através do comitê de Bacias do Alto do Paranapanema.
Nessa visita fomos recebidos pela cooperada Brenda, e o objetivo foi mostrar a importância e os benefícios da coleta seletiva, e descarte correto dos resíduos podemos destacar a diminuição da poluição, economia no consumo de energia e água, diminuição dos gastos com a limpeza urbana e a geração de emprego e renda pela comercialização dos recicláveis.
Com novo formato, o projeto trabalha e estimula a Educação Ambiental entre jovens a partir dos 15 anos em parceria com o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos Adolescentes.
O objetivo principal é beneficiar participantes que estejam inseridos em programas sociais do município.
O IDEAS – Instituto de Desenvolvimento Ambiental Sustentável, fundado em 2006, é uma organização da sociedade civil que tem como finalidade promover a proteção da biodiversidade, a conservação do meio ambiente e fomentar ações para o desenvolvimento humano, social, institucional e ambiental em regiões de domínio dos biomas existentes no território nacional.
O IDEAS foi concebido de forma a garantir uma gestão participativa e transparente, com base nos princípios da sustentabilidade e de ações em rede, fortalecendo a equidade socioambiental.
O funcionamento do IDEAS é baseado em dois pilares: melhoria da qualidade de vida e da conservação da biodiversidade, visando garantir uma gestão participativa, transparente e democrática, exercendo um papel de integração entre as diversas entidades da região.
Facebook
Twitter
WhatsApp

VEJA TAMBÉM

ATIVIDADE DA MANHÃ COM OS COOPERADOS

Nesta sexta-feira iniciamos nosso dia com uma atividade conduzida pelo Shitão Souza e sua esposa Cida, que exigia de cada um segurar um barbante, e no centro